English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
Traduza para o seu idioma! / Translate into your language!

Postagem em Destaque.

Incidentes de Biossegurança - Caso Nº 04.

Mitch estava trabalhando sozinho no sábado a fim de terminar uma análise que seria entregue na segunda-feira. Durante toda a manhã, ele ...

COVID-19 e a escalada da morte no Brasil.

0 comentários


ONG Rio de Paz - publicado em 18/06/2021

Há quem diga que o cenário caótico que se abateu sobre o país, por ocasião da atual pandemia, é resultado da incompetência do governo federal que tem a liderança do presidente Jair Messias Bolsonaro.

Embora eu tenha as minhas convicções políticas e partidárias cumpro o dever de, em respeito aos leitores, guardá-las para mim. Assim, a linha editorial deste blog não prevê manifestações políticas de cunho partidário e os leitores já devem ter percebido isto! Os posicionamentos que exteriorizamos aqui, embora não deixam de ser políticos, possuem outra dimensão e dizem respeito à politica de saúde, politica de educação, politica ambiental, enfim, políticas públicas de estado ou de governo.

Dito isto, considero que para conseguir uma marca dessas (500.868 mortos) foi necessário muito planejamento e articulação de governo. Assim;

Rotular o governo federal de incompetente no manejo da atual pandemia chega a ser um desrespeito. O governo federal está demonstrando sim competência. Muita competência..., para o mal.

E se estivéssemos lamentando esta tragédia numa perspectiva de cenário melhor para os próximos dias / meses até seria um alento. O problema é que são 500.868 mortos e a contagem continua a uma média de aproximadamente 2000 mortes por dia.

https://globoplay.globo.com/v/9619854/
Observando a imagem ao lado constatamos que, ao longo dos últimos quinze meses (março-2020 a junho-2021), a doença reinou no país. A curva de mortes sempre esteve em alta ou em tendência de alta.

Instituições de pesquisas e especialistas em epidemiologia / bioestatística apontam que se a campanha de vacinação não acelerar e se seguirmos negligenciando na adoção das medidas / atitudes não farmacológicas (distanciamento físico seguro, uso correto de máscara e higienização das mãos) poderemos atingir 850.000 mortes até o arrefecimento. Considerando o tamanho da população brasileira e a meta de vacinação com 1ª dose e 2ª dose dos elegíveis até dezembro de 2021, a aceleração teria que ser da ordem de 2.000.000 por dia. Sem querer ser alarmista é pouco provável que consigamos e a explicação é simples: Não tem doses disponíveis! Tem sim vacinas contratadas com entregas à conta-gotas porque quem contratou primeiro tem a preferência da entrega.

Não precisa ser "vidente" para perceber que a escalada de mortes por covid-19 continuará no Brasil nos próximos meses não só devido aos atos, atitudes e omissões do governo federal mas, também, porque a sociedade parece já ter decidido que não aceita morrer de fome isoladas nas suas casas. As pessoas, mesmos cientes dos riscos, estão se sujeitando às aglomerações do transporte público e das ruas em busca da sobrevivência. Em contraste, pessoas que tem condições de adotar as medidas de distanciamento físico abdicam do privilégio e aglomeram em festas, como se não houvesse amanhã.



  • Já foi publicado...
    A definir...
    BRAVERY Epic Powerful Cinematic Orchestral Music.

    O painel abaixo registra o país e o número de pessoas do referido país que visitaram o site pela primeira vez.
    Bem vindos / bienvenidos / Bienvenue / 欢迎 / Welcome / Willkommen / benvenuto / ...
    free counters

    Siga-nos se for capaz...!